Por / 2nd outubro, 2017 / Cultura, Eventos, Teatro / Sem comentários

Grupo Corpo em Uberlândia – Suíte Branca e Dança Sinfônica

13 de outubro às 20:30 a 15 de outubro às 20:30

Teatro Municipal de Uberlândia

SUÍTE BRANCA
Coreografia: Cassi Abranches
Música: Samuel Rosa
Iluminação: Paulo Pederneiras e Gabriel Pederneiras
Cenografia: Paulo Pederneiras
Figurino: Freusa Zechmeister
Fotos: José Luiz Pederneiras
Duração: 30 minutos

DANÇA SINFÔNICA
Coreografia: Rodrigo Pederneiras
Música: Marco Antônio Guimarães
Iluminação: Paulo Pederneiras e Gabriel Pederneiras
Cenografia: Paulo Pederneiras
Figurino: Freusa Zechmeister
Fotos: José Luiz Pederneiras
Duração: 42 minutos

Suíte Branca e Dança Sinfônica foram concebidos para a comemoração dos 40 anos da companhia. Rodrigo Pederneiras, coreógrafo do grupo, convidou sua ex-bailarina Cassilene Abranches para criar Suíte Branca, convocando Samuel Rosa para a composição da trilha sonora. Rodrigo se dedicaria ao processo de criação de Dança Sinfônica, em que Marco Antônio Guimarães e seu Uakti se encarregariam da música, gravada pela Orquestra Filarmônica de Minas Gerais.
Se Suíte Branca é todo clean, de um zen quase nipônico, Dança Sinfônica é carregado nas tintas dramáticas. Os contrastes se sucedem. A beleza calma do branco é inundada depois pela exuberância do preto e do vermelho. De um lado, o espaço vazio e nu de uma tela a ser preenchida; de outro, uma cortina fechada e iluminada que parece esconder o violino que soa de trás. Enquanto um encanta pelo frescor, o outro demanda postura solene. Uma gente de tênis, bermuda, moletom, meião e camiseta; outra turma vestida com a suntuosidade do veludo. Um é casual, o outro é de gala. De um, prazer estético; de outro, o emocional. Se Suíte Branca convida o espectador a se colocar diante do abismo do novo, Dança Sinfônica exerce o direito de tornar a beleza arrebatadora. Um é feito de futuro, o outro revisita o passado.

Saiba Mais: https://www.facebook.com/events/1937635646493349/


Deixe um comentário